Portas Giratórias começam a funcionar no Fórum Trabalhista de Goiânia

Como parte da Política de Segurança adotada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (Goiás), começam a funcionar, ainda em caráter experimental, as portas giratórias que dão acesso ao Fórum Trabalhista de Goiânia. No total, foram instaladas sete portas cobrindo todas as entradas, localizadas no térreo, primeiro e segundo pavimentos. As portas giratórias são dotadas de detectores de metal, sendo passagem obrigatória para todos que desejarem ingressar no prédio.

Pessoas que fazem uso de cadeira de rodas utilizarão um acesso lateral, contudo, bolsas e demais objetos poderão ser revistados.

A Seção de Segurança Operacional do Tribunal alerta para os eventuais contratempos que podem surgir nesse período de testes. “Precisamos da paciência e da colaboração de todos”, conclamou o chefe do setor, Mário Borges. A instalação das portas giratórias no Fórum tem o intuito de promover a segurança e está de acordo com a Resolução 104 do Conselho Nacional de Justiça, bem como atende ao previsto no artigo 3º da Lei 12.694/2012.

De acordo com o chefe de Segurança, embora o Tribunal não atue na esfera criminal, são constantes as ocorrências em que os agentes são chamados para intervir em audiências. “Nesse sentido, permitir que alguém entre armado para participar de uma solução nem sempre amigável submete as pessoas a um grau de risco maior”, assinalou.

O TRT de Goiás, que já tinha atos normativos anteriores proibindo a entrada de pessoas armadas, editou no ano passado a Portaria nº 002/2011. Porém, sem os equipamentos necessários, era difícil detectar pessoas armadas. Agora, com o funcionamento das portas giratórias, a Portaria poderá ser cumprida efetivamente.

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.