Tribunal envia cerca de 5 mil lâmpadas fluorescentes para descarte sustentável

O Tribunal Regional do Trabalho de Goiás realizou nesta segunda-feira, 11/02, o descarte sustentável de cerca de 5 mil lâmpadas fluorescentes provenientes dos prédios da capital e interior. Elas ficaram armazenadas na Seção de Almoxarifado, localizada no Setor Leste Universitário, entre março de 2018 e fevereiro de 2019.

As servidoras Natasha Rocha e Glorilene Coelho, da Gerência de Responsabilidade Socioambiental, fizeram o acompanhamento da entrega para a empresa Ecolamp Descarte de Lâmpadas, responsável pela destinação correta dos materiais. O processo de descontaminação se resume em colocar as lâmpadas em uma máquina para serem trituradas. Depois, são feitos três processos de filtragem para separar os materiais nocivos (mercúrio, pó fosfórico e alumínio).

O Tribunal realiza o descarte sustentável de lâmpadas desde 2009 em conformidade com a Politica Nacional de Resíduos Sólidos, que tem como proposta o aumento da reciclagem, reutilização de resíduos sólidos e destinação ambientalmente adequada dos rejeitos. Essas lâmpadas precisam do descarte correto devido à presença de mercúrio em sua composição, um metal altamente tóxico que, se acumulado no organismo, afeta rins, fígado, aparelho digestivo e sistema nervoso.

Joyce Farias – Estagiária da CCS

Esta entrada foi publicada em Notícias, TRT18 e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.