TRT-18 divulga fotos da campanha da Semana da Memória da Justiça do Trabalho em Goiás

Facebooktwitteryoutubeinstagram

O Centro de Memória do TRT de Goiás lançou na semana passada a campanha “O mundo do trabalho em imagens, memória, história e fotografias”, com o objetivo de resgatar momentos históricos vividos por servidores, magistrados, estagiários, advogados e jurisdicionados do TRT-18. A campanha acontece na semana em que se celebra o Dia da Memória do Poder Judiciário, instituído pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para ser comemorado no dia 10 de maio.

Veja abaixo algumas fotos históricas do Centro de Memória e fotos enviadas pelos participantes da campanha. São fotos que lembram momentos pessoais e  momentos históricos para a Justiça do Trabalho em Goiás.

A Primeira Junta de Conciliação e Julgamento, destinada a solucionar conflitos trabalhistas no Estado de Goiás, foi instalada no dia 2 de maio de 1939.  Ainda não existia o TRT de Goiás. Naquela época a unidade judiciária de Goiás estava sob a jurisdição do Conselho Regional do Trabalho da Terceira Região, com sede em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Edifício sede do TRT da 3ª Região (MG), ao qual o estado de Goiás era jurisdicionado. Foi um dos oito regionais criados pelo presidente Getúlio Vargas em 1941, ano oficial da instalação da Justiça do Trabalho no Brasil.

O prédio da foto ao lado é a sede do Tribunal Regional do Trabalho da 3ª Região (MG), ao qual o Estado de Goiás permaneceu sob a jurisdição por quase 40 anos. Nesse tempo foram instaladas apenas três Juntas de Conciliação e Julgamento, hoje Varas do Trabalho.

Somente em 1981, com a criação do TRT da 10ª Região, sediado em Brasília, a Justiça do Trabalho goiana foi desmembrada da 3ª Região e agregada ao Regional de Brasília. Foram oitos anos e mais seis Varas do Trabalho instaladas em Goiás.

Finalmente em 1989 foi criado o Tribunal trabalhista  de Goiás. Instalado em 30 de novembro de 1990, o TRT goiano teve como instalador e primeiro presidente, por força de lei, o juiz Octávio José de Magalhães Drummond Maldonado.

A foto seguinte é do dia  da inauguração do primeiro prédio do TRT-18, localizado na Avenida Portugal, no Setor Marista. Ao centro, vestido de terno e de óculos, está o primeiro presidente juiz Octávio Maldonado, rodeado de várias autoridades goianas que acompanharam a solenidade.

Apesar de já existirem unidades da Justiça Trabalhista no Estado desde 1939, o TRT da 18ª Região é um dos mais jovens do país, prestes a completar 30 anos em novembro deste ano. O Tribunal cresceu vertiginosamente e hoje tem uma boa estrutura e é bem equipado. Compõe-se de 51 unidades judiciárias, sendo 48 Varas do Trabalho, das quais 18 funcionam na capital e 30 no interior do Estado, além de três Postos Avançados. São mais de 1400 servidores e 110 magistrados, além de centenas de estagiários e terceirizados que colaboram para que a Justiça do Trabalho em Goiás mantenha um alto padrão de qualidade e eficiência na prestação jurisdicional.

As fotos a seguir foram enviadas durante a semana por servidores, advogados e estagiários, como parte da campanha “O mundo do trabalho em imagens, memória, história e fotografias”.Imagens de Memória do TRT

 

Por fim, transcrevemos na íntegra um texto especial enviado pelo oficial de Justiça Emerson Santos da Cruz, junto com duas fotos tiradas por ele, em uma de suas diligências no município de Paranaiguara (GO):

“Essas duas fotos foram tiradas quando eu estava em diligência como oficial de justiça, no município de Paranaiguara nos primeiros meses de exercício. A do tucano ao nascer e a da sete placas ao por do sol. Sozinho, em meio a labirintos na zona rural.

Ao iniciar os trabalhos, sem saber o que haveria por vir, já no meio do mato por milagre é longe de antenas recebo uma mensagem de celular dando conta de que uma pessoa querida da minha família sofrera um acidente grave. Olhei para minha pasta e lá estavam dezenas de mandados, dezenas de vidas, famílias que precisavam do meu trabalho. E lembrei da minha família longe, há 2.678 km de onde eu estava, lá no nordeste.

Foi um dia duro de trabalho, provavelmente umas três dezenas de mandados, em três cidades, num só dia e por isso sai às 5h da manhã no horário de verão de 2017. Por isso a paisagem contrasta tão bonito com o tucano. Notificações, intimações, penhoras. TODOS cumpridos.

Ao voltar pra casa aquele por do sol maravilhoso e a sensação do dever cumprido lavaram minha alma. Tantos medos de errar o caminho, ser pego de surpresa por um incêndio descontrolado num canavial, escapar de acidentes automobilístico, tantas pequenas coisas que vivi em 40 meses de trabalho, tantas coisas podem acontecer num só dia. A vida é um milagre diário. E por isso que gostaria de ofertar e dividir o presente de ter podido tirar essas duas fotografias. “

Setor de Imprensa, com informações do Centro de Memória.

Facebooktwitter

Esta matéria tem cunho meramente informativo, sem caráter oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Coordenadoria de Comunicação Social
Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região
comunicacao@trt18.jus.br

Esta entrada foi publicada em Notícias, TRT18. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.