Comitê de Governança

O Comitê de Governança (CGOV), instituído por meio da Resolução Administrativa nº 148/2015, tem por finalidade deliberar sobre as questões relacionadas à Governança e Gestão de TIC no TRT da 18ª Região, bem como submetê-las, quando necessário, à aprovação do Tribunal Pleno.

É composto pelos seguintes membros:

  1. Desembargador Presidente;
  2. Desembargador Vice-Presidente e Corregedor;
  3. Diretor da Escola Judicial do TRT da 18ª Região;
  4. Juiz Auxiliar da Presidência, quando houver;
  5. Juiz Coordenador do Comitê Gestor Regional da Política Nacional de Atenção Prioritária ao Primeiro Grau de Jurisdição;
  6. Magistrado indicado pela AMATRA XVIII;
  7. Secretário-Geral da Presidência;
  8. Secretário-Geral Judiciário;
  9. Diretor-Geral;
  10. Diretor de Secretaria de Gestão Estratégica; e
  11. Diretor de Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicações;
  12. Diretor de Secretaria de Gerenciamento do PJe; e
  13. Diretor de Secretaria de Gestão de Pessoas.

São atribuições do CGOV:

I. Estabelecer princípios e diretrizes de Tecnologia da Informação e Comunicação, em conformidade com a PGTIC e com o Plano Estratégico Institucional;

II. Aprovar as revisões da PGTIC, da Política de Segurança da Informação – PSI e submetê-las à apreciação do Tribunal Pleno;

III. Definir objetivos de TIC, bem como deliberar e priorizar planos deles decorrentes;

IV. Aprovar o Plano Estratégico de TIC (PETIC) e submetê-lo à apreciação do Tribunal Pleno;

V. Aprovar o Plano Diretor de TIC (PDTIC), o Plano Anual de Capacitação em TIC (PACTIC), o Plano Anual de Contratações de TIC e a Proposta Orçamentária Prévia (POP) das áreas de TIC, e suas revisões, elaborados pela STI, observando os alinhamentos estratégicos;

VI. Acompanhar, periodicamente, a execução dos planos e a evolução dos indicadores de desempenho de TIC, para ratificar ou reavaliar as prioridades, identificar eventuais desvios e determinar correções necessárias; e

VII. Priorizar e tomar as decisões relacionadas à proposta de investimento em TIC, que poderão estar associadas a projetos corporativos, oriundos do Planejamento Estratégico do TRT 18ª ou do Plano Estratégico de TIC, ou a projetos emergentes, originados de demandas das unidades do Tribunal ou da própria STI.

O CGOV se reúne ordinariamente a cada quadrimestre e extraordinariamente sempre que necessário.


Os comentários estão encerrados.