Programa Hora Extra discute o trabalho escravo no Brasil

Procurador do Trabalho Alpiniano Lopes é o entrevistado desta edição do Hora Extra

O trabalho escravo ainda é uma realidade no Brasil em pleno século XXI. Informações recentes estimam que há 200 mil trabalhadores no país vivendo em regime de escravidão, segundo dados do Índice de Escravidão Global, elaborado por organizações não governamentais ligadas à Organização Internacional do Trabalho. O assunto é tema de entrevista com o procurador do trabalho Alpiniano Lopes.

Você vai ver ainda que, em julgamento recente, o Supremo Tribunal Federal decidiu que mulheres grávidas e que estejam amamentando não podem ser expostas a agentes nocivos. A permissão de trabalho de gestantes e lactantes em ambientes insalubres foi um dos pontos mais polêmicos da reforma trabalhista, em vigor desde 11 de novembro de 2017.

Por fim, confira matéria sobre o mercado de trabalho para pessoas com deficiência. Em Goiânia, um shopping faz a diferença e é reconhecido pela alta empregabilidade de profissionais com deficiência.

Veja a chamada do programa:

O Hora Extra é exibido nos seguintes dias e horários:

TV Justiça – domingo – 19h30
TV Assembleia – terças e quintas – 19 horas

Setor de Imprensa

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.