Durante encontro TRT Para Todos, presidente do TRT anuncia reformas em três unidades judicias: Goiás, São Luís e Iporá

Presidente do TRT assina ordens de serviço que autoriza reformas nas unidades de Goiás, Iporá e São Luís

Ricardo Lucena comentou que investimento é da ordem de R$ 300 mil

Na abertura do TRT para Todos, que acontece nesta quinta e sexta-feiras (18 e 19.05) na Cidade de Goiás, o presidente do TRT 18, desembargador Breno Medeiros, assinou ordens de serviço que autorizam a reforma da estrutura física e a aquisição de mobiliário para as três unidades judiciárias que participam desta primeira edição do programa. Passarão por reformas as VTs de São Luís de Montes Belos e da Cidade de Goiás, além do Posto Avançado de Iporá. Ao todo, será feito um investimento da ordem de R$ 300 mil em melhorias.

Na VT de Goiás, foi autorizado o fechamento da sala de espera e a instalação de dois aparelhos de ar condicionado. Em São Luís de Montes Belos a intervenção será considerável, com troca do telhado existente de madeira e telha ondulada por estrutura metálica revestida com telhas termo-acústicas. A unidade passará por pintura completa nas paredes interna e externa e a fachada será revitalizada e receberá novo letreiro. No Posto de Iporá também está prevista a revitalização da fachada, a substituição do letreiro, pintura interna e externa, instalação da central de gás, dentre outras melhorias.

Mesmo com as melhorias na atual sede da VT de Goiás, o desembargador Breno Medeiros disse que a intenção é construir uma nova sede mais adequada ao funcionamento da Vara. Na ocasião, ele assinou ofício a ser endereçado ao governador Marconi Perillo solicitando a doação de terreno correspondente a 2.600m² localizado no Setor Leste para construção de prédio para abrigar a unidade. No documento, o presidente do TRT explica que a atual sede da unidade, localizada no centro histórico do município, não comporta ampliação ou reforma de grande vulto e o espaço atual não atende às necessidades de funcionamento da vara, que apresenta grande movimentação processual.

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , . Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.