Hora Extra: Ministério Público aponta baixa criação de empregos e precarização de contratos após reforma

O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho em Goiás, Tiago Ranieri, é o entrevistado do Hora Extra

Após quatro meses de vigência da Lei 13.467, que modificou a CLT, ainda é difícil fazer um balanço dos reflexos das novas regras nas relações de trabalho. O Ministério Público do Trabalho, no entanto, aponta a baixa criação de empregos e a precarização de contratos, além de uma ligeira diminuição de ações na Justiça do Trabalho, fruto, talvez, das incertezas que rondam as mudanças estruturais trazidas pela nova lei. Sobre o assunto, o Hora Extra conversou com o procurador-chefe da Procuradoria Regional do Trabalho em Goiás, Tiago Ranieri.

Nesta edição você vai conhecer a iniciativa de uma empresa que incentiva os trabalhadores a criarem o hábito da leitura e tornarem o dia a dia de um canteiro de obras mais leve.

Veja, por fim, as principais reflexões trazidas pelo jurista Lenio Streck e pelo psicanalista Jorge Forbes durante o evento de abertura das atividades da Escola Judicial do TRT de Goiás.

Confira os dias e horários de exibição do Hora Extra:

TV Justiça – domingo – 19h30
TV Assembleia – terças e quintas – 19 horas
TV Goiânia – sábado – 7h30
Fonte TV – Domingo – 6h30

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.