Empossados novos titulares das VTs de Jataí, São Luís e Caldas Novas, diretores e assessores do TRT18

Em cerimônia realizada nesta terça-feira, 1º/8, o desembargador-presidente Breno Medeiros deu posse aos juízes do trabalho Eunice de Castro, Platon de Azevedo Neto e Cleber Sales, que passaram a exercer, respectivamente, a titularidade das Varas do Trabalho de Caldas Novas, de São Luís de Montes Belos e de Jataí. Por razões supervenientes, o juiz Cleber Sales não pôde estar presente à cerimônia e, por isso, nomeou seu procurador para o ato o juiz Platon Neto.

Na sequência, o presidente do TRT 18 deu posse coletiva a doze servidores no cargo de assessor da Assessoria de Governança Corporativa, unidade recém-criada vinculada à Presidência. A mudança na estrutura administrativa atende a determinação da Resolução 219 do Conselho Nacional de Justiça, que normatiza a distribuição de servidores e de funções de confiança nos órgãos do Poder Judiciário de primeiro e segundo graus.

 

Ainda em razão da reestruturação, a Coordenadoria de Distribuição de Mandados Judiciais teve sua competência ampliada e foi elevada ao status de Secretaria e, a partir de agora, sua atuação abrangerá, além das varas trabalhistas da capital, todas as unidades judiciárias do interior do Estado. A unidade continua tendo à frente o servidor Joelson Lisbôa, que também tomou posse no cargo na data de hoje. O mesmo aconteceu em relação ao Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputas (Cejusc) de Goiânia, que foi elevado à condição de secretaria e tem como secretária-executiva a servidora Leila Barbosa.

Também foram elevados os status das assessorias jurídicas administrativas e judiciárias, que passaram a contar com cargo em comissão CJ-2. Assumiu a assessoria jurídica administrativa a servidora Larissa Andrade, e na secretária-executiva da Secretaria-Geral Judiciária a servidora Geisa Campelo.

Novos diretores de vara
Cinco varas do trabalho passaram a ser secretariadas por novos diretores. Georges Frederich Silvestre é o diretor de secretaria da 1ª VT de Anápolis; Danilo Diniz, da 9ª VT de Goiânia, e Warley Pereira da 8ª VT de Goiânia. Os três foram empossados durante a cerimônia realizada hoje pelos respectivos juízes titulares das unidades. Concomitantemente às posses na capital, também assumiram cargos de secretários de varas os servidores César Augusto Lemos na VT de São Luís de Montes Belos e Vanderlei Alves de Mendonça, que exercerá o cargo na VT de Caldas Novas.

Valorizar pessoas
Em seu pronunciamento, o desembargador Breno Medeiros destacou alguns pontos de relevância da cerimônia de hoje. Primeiramente, a posse dos magistrados que, ao assumirem a nova titularidade, ascendiam a mais um passo na carreira, o que deveria ser celebrado. “Nós temos hoje pouca movimentação na carreira e é importante que cada mudança, cada conquista seja celebrada. Acho que é uma marca da administração valorizar as pessoas que estão envidando esforços, aliás, começando uma nova vida porque se está mudando para uma nova cidade”, afirmou. Ele aproveitou para cumprimentar o desembargador-corregedor Paulo Pimenta, que também prestigiou a cerimônia, pela agilidade no processo de remoção dos magistrados, o que possibilitou a rápida movimentação entre as unidades.

O segundo momento da cerimônia, segundo o presidente, foi em relação às posses dadas em razão da reestruturação ensejada para atender as determinações da Resolução 219 do CNJ. Aproveitou para agradecer ao Comitê de Priorização do Primeiro Grau e à Amatra por entenderem a realidade da 18ª Região na busca de soluções para que o Tribunal pudesse cumprir a nova orientação do Conselho.

Segundo o presidente, se não são as condições ideais, foi feito o possível. “Resolução do CNJ não se discute, se cumpre”, ressaltou. Na ocasião, ele manifestou sua preocupação em relação à previsão que o texto da Resolução faz de, a depender da necessidade, poder ser feita de ofício a redistribuição do quadro funcional. “A minha preocupação é que devemos pensar no ser humano, as pessoas têm casa, filhos, família e não podemos pensar em tratá-las como objetos”, ressaltou.

Confira os nomes dos servidores que integram a Assessoria de Governança Corporativa:

Adriane de Sousa Durães
Aline Crispim Rocha
Amanda Nahiá e Silva Freitas
Cláudio César dos Reis
Flúvio Araújo Pereira
Ivo Vasconcelos Ferreira da Silva
Maurício Pereira Miranda
Rafael Ferreira Carneiro
Tânia de Almeida Silva Cruvinel
Tatiana Thomé Carlos Moreira Lucas
Tiago André de Freitas
Wedson Wagner Rodrigues Leite

Márcia Bueno (com a colaboração de Wendel Franco)/Seção de Imprensa-CCS

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.