Caixa quer promover mais acordos em seus processos trabalhistas

Des. Paulo Pimenta e advogados da Caixa

O desembargador Paulo Pimenta, vice-presidente e corregedor do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (Goiás) recebeu, hoje (23/1),visita institucional da Caixa Econômica Federal (CEF). A instituição esteve representada pelos coordenadores jurídicos, Renato Brandão e Rodrigo Rezende, e a gerente jurídica Marta Nobre. Eles trouxeram dados estatísticos de solução de processos trabalhistas da instituição no ano de 2018, principalmente os encerrados por conciliação. Segundo os cálculos da empresa, a instituição finalizou 390 processos por meio de acordos e 502 processos por cumprimento voluntário, totalizando o valor aproximado de R$5,5 milhões.

Além de apresentarem esses dados, os advogados reafirmaram o compromisso de buscar um índice maior de acordos em suas ações na Justiça trabalhista sempre que houver a possibilidade. Os advogados da Caixa renovaram o compromisso de não mais recorrer de decisões em que houver entendimento pacificado no Tribunal Superior do Trabalho.

O intuito da visita ao TRT18, segundo a advogada da Caixa, Marta Nobre, é reduzir a quantidade de processos em que a empresa está envolvida. “A Caixa toma essa iniciativa de vir ao Tribunal com o objetivo de reduzir esse quantitativo. A nossa proposta é de pacificação. A ideia é encontrar a melhor solução para o processo”, disse.

Já o coordenador trabalhista da Caixa, Renato Rezende, ressaltou a mudança de atuação da estatal. “A Caixa quando trouxer processos para debate na segunda instância será uma experiência com debates mais profundos, de questões novas, de matérias que precisam ser revistas. Se a questão for sedimentada, será resolvida na primeira instância por meio de acordo”, afirmou o coordenador, ao ponderar que essa é uma estratégia jurídica de âmbito nacional. A ideia é reduzir os processos existentes da Caixa em 60% até junho de 2019, de acordo com Marta Nobre.

Cristina Carneiro
Setor de Imprensa – CCS

Esta entrada foi publicada em Notícias e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Os comentários estão encerrados.